Menu

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Inscrições para o Pronatec prorrogadas até a próxima sexta-feira

A Secretaria da Educação prorrogou até a próxima sexta-feira (dia 31), as inscrições para 55 cursos de qualificação profissional de 11 Eixos Tecnológicos pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). Estão sendo ofertadas 5.673 vagas em 63 municípios. O estudante fará o curso no turno oposto ao qual está matriculado.


Os cursos (Veja relação abaixo) serão ofertados, exclusivamente, para estudantes do 3º ano do ensino médio ou estudantes do EJA Médio (tempo formativo VI e VII). Dentre os cursos estão: Cuidador de idosos, Manutenção e montagem de micros, Auxiliar técnico-administrativo, Auxiliar técnico de agropecuária, Regente de banda, Agente de informações turísticas, Agente socioambiental, Agente de observação de segurança na Indústria e na construção civil, Atendente de nutrição, Eletricista industrial e predial, Preparador de pescado, Desenhista de construção civil, Agente comunitário de saúde e Agente de controle de endemias.

As inscrições serão feitas nos Centros Territoriais (CETEP) e Estaduais (CEEP) de Educação Profissional. O estudante deve se dirigir à direção do CETEP, CEEP ou colégio onde estuda para preencher uma ficha com seus dados pessoais. Nesta ficha, ele indicará até dois cursos de seu interesse. As inscrições serão encaminhadas à Superintendência de Educação Profissional (Suprof). A Suprof realizará o sorteio das vagas e enviará a listagem com os sorteados para o centro e unidade escolar divulgarem os resultados e efetivarem a pré-matrícula.

Períodos de inscrições – As inscrições serão feitas em períodos diferentes a depender do início das aulas. Para as turmas programadas para iniciarem em setembro de 2012, as inscrições ocorrerão de 20 a 31 de agosto. Para as turmas programadas para iniciarem em outubro de 2012, as inscrições serão feitas de 10 a 14 de setembro e para as turmas programadas para iniciarem em novembro, as inscrições serão de 24 a 28 de setembro.

Qualidade pedagógica - Os cursos são todos vinculados a um curso técnico específico. Deste modo, o estudante poderá prosseguir, se desejar,os estudos. As cargas horárias, entre 240 e 600 horas, foram ampliadas para garantir a introdução de conhecimentos científicos, português ou matemática instrumental e organização social e do processo de trabalho, ética e direitos do trabalho.

O conteúdo técnico envolve prática e conhecimentos científicos e tecnológicos necessários ao curso. Assim, o curso de preparação de pescado, por exemplo, terá também como conteúdo, noções de biologia de animais aquáticos, de microbiologia e de segurança alimentar. Pelo fato de ser executado em e por uma escola pública, o acolhimento, acompanhamento e ações para garantir o acesso, permanência e conclusão dos cursos serão maximizados.

Investimentos – O superintendente da Educação Profissional, Almerico Lima, disse que o Estado recebeu R$ 15.894.000,00 do Pronatec, o que possibilitou a ampliação da oferta para todo o estado. Em 2013, mais novos municípios serão beneficiados.

Ele explica que a Rede Estadual de Educação Profissional já está em 104 municípios baianos e agora chegará, pela primeira vez, a São Desidério, no TI da Bacia do Rio Grande; Utinga, no TI da Chapada Diamantina; Ibititá, no TI de Irecê; Conceição da Feira e Santo Estevão, no TI Portal do Sertão; Jandaíra, no TI Agreste de Alagoinhas/Litoral Norte e São Francisco do Conde, no TI do Recôncavo.
Almerico Lima ressalta que a Rede Estadual de Educação Profissional, que já é a maior ofertante de cursos técnicos do Estado, torna-se também a maior ofertante do Pronatec. Os demais ofertantes são: Senai, Senac, IFBA e IFbahiano. “A chegada de mais estes cursos reflete o compromisso do Estado que assumiu a Educação Profissional como uma política pública. Isso significa mais oportunidade para que nossos estudantes atendam e se beneficiem do desenvolvimento socioeconômico e ambiental da Bahia”, destacou.

Atendimento das demandas – O professor Almerico lembra que, com o Pronatec, a Rede Estadual de Educação Profissional reforçará o atendimento às demandas de formação do Porto Sul, Vida Melhor (Urbano e Rural), Copa 2014 e das políticas de interiorização das políticas estaduais de saúde e da cultura, além de demandas territoriais específicas. Demandas da Secretaria da Agricultura (Seagri), Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esportes (Setre), Secretaria de Cultura (Secult) e Secretaria da Saúde (Sesab) foram consideradas na elaboração da proposta.
A expectativa para o primeiro semestre de 2013 é de que sejam captados R$ 20 milhões (6.500 vagas) e com o concurso público para professor de Educação Profissional, se habilitar para captar, no mínimo, R$ 60 milhões para a oferta de 24 mil vagas. “Com esta ação, a SEC se consolida no Pronatec como demandante, ofertante e, principalmente, como articuladora da oferta de Educação Profissional no Estado”, destacou o superintendente Almerico Lima.

Além dos 54 Centros Territoriais e Estaduais de Educação Profissional ofertarão cursos: a Escola Técnica Navarro de Brito, em Salvador, a Escola Agrotécnica Estadual de Jeremoabo, a Escola de Dança da Fundação Cultural da Bahia e a Escola Técnica do SUS.

Mais sobre o Pronatec


O Pronatec foi criado no dia 26 de Outubro de 2011, com a sanção da Lei nº 12.513/2011 pela presidenta Dilma Rousseff. Objetiva expandir, interiorizar e democratizar a oferta de cursos de Educação Profissional e Tecnológica (EPT) para a população brasileira e fomentar e apoiar a expansão da rede física de atendimento da EPT. Visa, ainda, contribuir para a melhoria da qualidade do ensino médio público, por meio da Educação Profissional e ampliar as oportunidades educacionais dos trabalhadores por meio do incremento da formação profissional.

Lista de cursos ofertados

Agente de Desenvolvimento Socioambiental
Agente Comunitário de Saúde
Agente de Combate às Endemias
Agente de Observação de Segurança na Indústria
Agente de Projetos Sociais
Agente de Informações Turísticas
Ajustador Mecânico
Amostrador de Minérios
Apicultor
Atendente de Lanchonete
Atendente de Nutrição
Auxiliar de Gestão de Meio Ambiente, Saúde e Segurança na Construção Civil
Auxiliar de Laboratório de Entomologia Médica
Auxiliar Administrativo de Secretaria Escolar
Auxiliar de Laboratório Químico
Auxiliar Administrativo
Auxiliar de Operações em Logística
Auxiliar Financeiro
Auxiliar em Serviços de Hospedagem
Auxiliar em Administração de Redes
Auxiliar de Cenotecnia
Agricultor Orgânico
Auxiliar Técnico em Agropecuária
Bovinocultor de Leite
Costureiro
Criação de Animais de Médio Porte
Cultivador e Beneficiador da Mandioca
Cuidador de Idoso
Desenhista Mecânico
Destilador de Bebidas
Desenhista da Construção Civil
Eletricista de Automóveis
Eletricista Industrial
Eletricista Instalador Predial de Baixa Tensão
Funileiro de Automóveis
Fruticultor
Iluminador Cênico
Mecânico de Manutenção de Automóveis Leves
Montagem e Manutenção de Computadores
Operador de Caixa
Promotor de Vendas
Operador de Beneficiamento de Frutas e Hortaliças
Organizador de Evento
Operador de Sistemas de Irrigação
Operador em Beneficiamento de Pescado
Padeiro e Confeiteiro
Preparador de Derivados de Leite
Preparador de Embutidos e Defumados
Produtor Cultural
Recepcionista em Meios de Hospedagem
Regente de Coral
Regente de Banda
Torneiro Mecânico
Trabalhador Doméstico
Vivericultor


Centros e unidades com inscrições em Salvador e RMS 

2 comentários:

  1. quem nao concluio o ensino medio pode se escrever no curso do pronatec

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As vagas são destinadas a estudantes do 2º e 3º ano do ensino médio ou do Eja Médio (tempos formativos VI e VII) da Rede Estadual de Educação que farão os cursos no turno oposto aos quais estão matriculados

      Excluir