Menu

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Fiocruz inscreve para Mestrado em Educação Profissional em Saúde

A Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio (EPSJV/Fiocruz) publicou ontem (dia 25/08), edital de abertura de inscrições para o Mestrado em Educação Profissional em Saúde. As inscrições estão abertas até 26 de setembro e devem ser realizadas on-line por meio da Plataforma SIGA. Confira mais informações no edital.

terça-feira, 26 de agosto de 2014

Seguem abertas as inscrições para o Concurso Idéias Inovadoras 2014 da Fapesb


Não perca o prazo!!! Estão abertas, até o dia 04 de setembro, as inscrições para o Concurso Ideias Inovadoras 2014, realizado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia – Fapesb, vinculada a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado da Bahia – SECTI, no âmbito do Programa Empreende Bahia e em parceria com a Vilage Marcas e Patentes e a Secretaria de Cultura do Estado da Bahia - SECULT e o Serviço Brasileiro de Apoio a Micro e Pequenas Empresas - SEBRAE.

CEEP de Jacobina apresenta projetos científicos desenvolvidos pelos estudantes

Os estudantes do Centro Estadual de Educação Profissional em Gestão e Negócios do Centro Baiano Professora Felicidade de Jesus Magalhães (CEEP) , no município de Jacobina, participam, na próxima quinta-feira (28/8), da III Feira de Ciências do CEEP, com a apresentação de dez projetos científicos. O evento, que acontece na própria unidade escolar, consiste na exposição pública de trabalhos científicos desenvolvidos por estudantes, sempre com a orientação de um professor, envolvendo os cursos técnicos em Secretariado, Administração, Contabilidade, Comércio, Vendas, Manutenção em Informática, Computação Gráfica e Guia de Turismo.

“Durante o evento acontece uma troca de conhecimentos e informações entre alunos e o público visitante, tornando o Centro um local onde se vivencia a prática e a experimentação das ações e conhecimentos construídos no ambiente escolar, contribuindo para o desenvolvimento da criatividade e da capacidade inventiva e investigativa dos estudantes”, disse Graciete de Oliveira Silva, diretora da unidade.

A coordenadora da III Feira de Ciências do CEEP Felicidade de Jesus Magalhães, a professora Zeniara Jatobá, destaca que adequar a prática pedagógica na busca do conhecimento por meio da pesquisa é “a chave do sucesso” para a contextualização educacional. “Com isso, os estudantes ficam mais comprometidos e se tornam multiplicadores de conhecimentos”, afirma, enumerando temas como depressão, câncer, tratamento da água e matemática financeira, que serviram de objetos de estudo.

“Desde a primeira edição da Feira participo do evento com o objetivo de adquirir experiência e conhecimento, além de prestar uma ajuda social à comunidade através dos projetos que desenvolvemos. Percebo que o evento está, a cada ano, mais evoluído, trazendo trabalhos muito interessantes. Tenho o maior orgulho de estudar nesse colégio”, declara o estudante Jean Rodrigues, 17 anos, estudante do curso técnico em Comércio.

Reconhecimento – O CEEP Felicidade de Jesus Magalhães integra o Território do Piemonte da Diamantina. Na I Feira de Ciências, em 2012, o projeto “Canteiro Bio- Séptico” foi selecionado para participar da II Feira de Ciências da Bahia e, após ser classificado, participou da Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (Febrace) 2013, em São Paulo, sendo também convidado a participar da Feira das Américas, em Quito, no Equador, e da 32ª Feira Estudantil, através da Rede Poc, em Aveiro, Portugal.

Ainda em 2013, dando margem às discussões sobre a inclusão e o respeito às diversidades étnico-raciais, o projeto interdisciplinar Ciganos, sujeitos de direitos foi exposto nas III Feciba, na Febrace 2014, na Mostra Brasileira de Ciências e Tecnologia (Mostratec) e na Expo Nacional Milset Brasil 2014. O projeto também recebeu credenciamento para participar do Foro Internacional de Ciência e Engenharia, no Chile.

Fonte: Portal da Educação 

Centro Territorial de Educação Profissional da Bacia do Paramirim forma 45 novos técnicos de enfermagem

O Centro Territorial de Educação Profissional da Bacia do Paramirim (CETEP), localizado no município de Macaúbas (630 km de Salvador), formou, em agosto, 45 novos técnicos de Enfermagem, que irão reforçar os serviços de saúde na região. A solenidade contou com a participação de gestores, professores do CETEP e familiares dos formandos.

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

7ª Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente tem inscrições prorrogadas

A coordenação geral da Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente(OBSMA), da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), decidiu ampliar o prazo de inscrições da sétima edição até 01 de setembro de 2014. A prorrogação se dá em virtude de o calendário escolar ter sido afetado, entre outras coisas, pelos diversos feriados da Copa do Mundo.

De acordo com o Artigo 8°  do regulamento:


"O prazo para inscrição de trabalhos no sítio da Olimpíada é até as 17h (hora de Brasília) do dia 01 de setembro de 2014; e da postagem do material original, via correio convencional, a uma das Coordenações Regionais, até o dia 08 de setembro de 2014 (o selo dos correios vale como referência)."


Os projetos de intervenção social e de tecnologia social que vem sendo desenvolvidos, na Rede Estadual de Educação Profissional da Bahia, por estudantes dos cursos técnicos em Enfermagem, Análises Clínicas, Saúde Bucal, Biotecnologia, Controle Ambiental e Meio Ambiente podem ser inscritosDestacamos entretanto que como  Saúde, Meio Ambiente e Segurança do Trabalho é disciplina obrigatória de todos os cursos da Rede Estadual de Educação Profissional da Bahia, projetos de estudantes de todos os cursos podem ser inscritos também. Estão sendo aceitos projetos nas modalidades produção audiovisual, produção de textos ou projeto de ciências. Os interessados em participar devem acessar o sistema de cadastro no site oficial da  OBSMA.

Acesse também o regulamento completo da sétima edição e conheça o passo-a-passo de como participar da Olimpíada. Dúvidas podem ser esclarecidas pelo e-mail olimpiada@fiocruz.br. Confira também o  vídeo institucional .

Você pode ficar também informado sobre a OBSMA acessando as redes: twitterflickryoutube e facebook.

Mais informações:
Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente é um projeto educativo bienal promovido pela Fundação Oswaldo Cruz que tem por objetivo incentivar a realização de atividades interdisciplinares relacionadas à saúde, ao meio ambiente e à qualidade de vida, nas escolas públicas e privadas de todo o país.

A Olimpíada também tem o objetivo de fortalecer nos estudantes o desejo de aprender, conhecer, pesquisar e investigar sobre os temas atuais, nas áreas de saúde, educação e meio ambiente; além de reconhecer o trabalho já em desenvolvimento por professores e alunos nesta área em todo Brasil.

Nas suas 6 edições anteriores a OBSMA já recebeu cerca de quatro mil projetos, dentre eles trabalhos que chamaram a atenção para temas como preservação de recursos hídricosproblemas gerados pelo lixo, malefícios causados por agrotóxicos, entre outros, expressos em poesias, documentários, cordéis, pesquisas de campo, reportagens e projetos de reciclagem.


Com informações da Olimpíada Fiocruz


quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Projetos de iniciação científica de estudantes da rede estadual são premiados na Femmic 2014


Nove projetos de estudantes da rede pública estadual dos Centros Territoriais de Educação Profissional (CETEP) e dos Centros Estaduais de Educação Profissional (CEEP) se destacaram na 12ª Feira dos Municípios e 3ª Mostra de Iniciação Científica da Bahia (Femmic), em agosto. O evento, promovido pelo Instituto Federal Baiano de Catu (IFBaiano/ Campus Catu) com o intuito de incentivar e promover a iniciação científica no ensino médio, técnico e superior, reuniu professores e alunos de diversas instituições de ensino de todo o País.

Entre os 26 projetos dos CETEP e CEEP baianos, foram premiados os trabalhos desenvolvidos pelos CETEP do Litoral Norte e Agreste Baiano, de Alagoinhas, CEEP em Gestão e Tecnologia da Informação Álvaro Melo Vieira, de Ilhéus, e CEEP em Controle e Gestão do Nordeste Baiano Pedro Ribeiro Pessoa de Catu, nas áreas de Ciências Agrárias, Ciências Biológicas e Engenharias. Os estudantes responsáveis pelos trabalhos receberam bolsas do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ) e/ou publicação na revista Ciência Júnior, além de menção honrosa e medalha. Alguns projetos foram selecionados para participação em outras Feiras de caráter estadual e nacional.

“Os projetos ressaltam a matriz curricular da Rede Estadual de Educação Profissional, que tem a intervenção social como princípio pedagógico, na medida em que possibilita ao estudante aprender os conteúdos e práticas em situações reais, contribuindo para a sua formação integral, fazendo com que compreenda a dimensão social da futura profissão”, disse Almerico Lima, superintendente de Educação Profissional da rede estadual.

Os trabalhos contemplaram, também, a dimensão do trabalho como princípio educativo. Os estudantes são preparados para atender e se beneficiar das demandas geradas pelo desenvolvimento socioeconômico e ambiental do Estado da Bahia, conduzindo-os à compreensão da ciência, da técnica e da implicação para a sociedade.


Premiação FEMMIC - 2014

Ciências Agrárias

1°Lugar - CETEP do Litoral Norte e Agreste Baiano/ Alagoinhas
Projeto: Irrigação e Nutrição na Escola pelo Sistema de Aquaponia


Engenharias

1° Lugar  - CEEP em Gestão e Tecnologia da Informação Álvaro Melo Vieira/ Ilhéus
Projeto: Caixa Coletora de Resíduos Sólidos para Bocas de Lobo

 3° Lugar  - CEEP em Gestão e Tecnologia da Informação Álvaro Melo Vieira/ Ilhéus
Projeto: Aproveitamento e Tratamento da Água da Chuva


Ciências Biológicas

1° Lugar - CEEP em Gestão e Tecnologia da Informação Álvaro Melo Vieira/ Ilhéus
Projeto: Degradação de Sacolas Plásticas a partir de Bactérias do Solo

2° Lugar - CETEP do Litoral Norte e Agreste Baiano/ Alagoinhas
Projeto: O Uso do Adubo Orgânico no Melhoramento do Solo Arenoso - Compostagem

Feiras

FEBRACE - Feira Brasileira de Ciências e Engenharia-SP – 17 a 19/3/2015

1° Lugar - CEEP em Gestão e Tecnologia da Informação Álvaro Melo Vieira/ Ilhéus
Projeto:  Biodigestor Portátil para a Produção de Biogás a partir de Resíduos Orgânicos

FEBRAT- Feira Brasileira de Escolas Técnicas e Colégios de Aplicação-MG - 13 a 16/10/2014

2° Lugar - CEEP em Controle e Gestão do Nordeste Baiano Pedro Ribeiro Pessoa /Catu
Projeto: Modelagem 3D: Um Novo Método de Aprendizagem para Alunos do Curso Técnico em Petróleo e Gás

FECIBA- Feira de Ciências da Bahia - 28 a 30/10/2014

1° Lugar - CETEP do Litoral Norte e Agreste Baiano/ Alagoinhas
Projeto: Aproveitamento de Resíduo de Madeira na Produção de Revestimento Ecológico


Feira Ciência Jovem  - 29 a 31/10/2014

1° Lugar - CEEP em Controle e Gestão do Nordeste Baiano Pedro Ribeiro Pessoa /Catu

Projeto: Levantamento das Espécies de Plantas Medicinais Utilizadas pela Comunidade Escolar do Colégio Estadual Pedro Ribeiro Pessoa







terça-feira, 19 de agosto de 2014

O sorteio eletrônico realizado pela Secretaria selecionou 3.776 candidatos para o segundo semestre


A Secretaria da Educação do Estado da Bahia realiza, de 22 a 29 de agosto, a matrícula para os contemplados no sorteio eletrônico da Educação Profissional para a forma de articulação subsequente (Prosub). O sorteio foi realizado em fevereiro deste ano. Foram contemplados, para o segundo semestre, 3.776 candidatos, jovens e trabalhadores que já haviam concluído o ensino médio e que, por meio do sorteio eletrônico, vão voltar às salas de aula para uma formação profissional. As aulas serão iniciadas no dia 1º de setembro.
 
Confira o resultado das inscrições por município

No total, o sorteio eletrônico ofertou 14.386 vagas para os dois semestres de 2014, distribuídas em 11 eixos tecnológicos de 47 cursos técnicos de nível médio, a exemplo de Análises Clínicas, Administração, Arte Dramática, Agroindústria, Agricultura, Biotecnologia, Contabilidade, Cozinha, Documentação Musical, Design de Artefatos de Couro, Enfermagem, Edificações, Eletromecânica, Eletroeletrônica, Informática, Nutrição e Dietética, Química, Logística, Segurança do Trabalho, Gerência em Saúde, Guia de Turismo, Meio Ambiente, Petroquímica, Saúde Bucal.

As 3.776 vagas deste período letivo correspondem a 110 turmas da capital e cidades do interior, a exemplo de: Camaçari, Catu, Cruz das Almas, Irecê, Ipirá, Ibotirama, Ilhéus, Jequié, Paulo Afonso e Simões Filho.

Matrículas - Para se matricular, os estudantes devem se dirigir aos Centros Territoriais e Estaduais de Educação Profissional para os quais se inscreveram no turno indicado na inscrição para o sorteio. É necessário levar cópia e original dos seguintes documentos: CPF, carteira de identidade, comprovante de residência e histórico escolar. Em caso de desistência, serão convocados os que ficaram no cadastro de reservas.

De acordo com o superintendente da Educação Profissional, Almerico Lima, a forma de articulação subsequente é uma das estratégias adotadas pelo Estado para ampliar a oferta de vagas visando à formação profissional de jovens e trabalhadores na capital e, também, no interior do Estado. “Escolhemos ofertar uma diversidade de modalidades e níveis da educação profissional porque os sujeitos que a demandam apresentam histórias educacionais diversas. No caso do Prosub, é a volta à escola de quem concluiu o ensino médio, não prosseguiu para o nível superior e quer ter uma oportunidade de adentrar ou se recolocar no mundo do trabalho como um técnico”, disse.

A Rede Estadual de Educação Profissional da Bahia é a 2ª maior rede estadual  do Brasil, segundo o censo Inep/Mec. Atualmente conta com mais de 70 mil estudantes matriculados em cursos técnicos de nível médio.


Fonte: Secretaria da Educação da Bahia

Dia do/a Artista de Teatro


segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Dia do/a Estagiário/a



Hoje, 18 de agosto,  comemoramos o dia do/a Estagiário/a. 
Essa data  surgiu para  homenagear todos/as os/as estudantes que estão em estágio, reconhecendo também a importância dessa atividade pedagógica para a formação dos futuros profissionais.

Mas porque 18 de agosto?

Foi em 18 de agosto de 1982 que foi publicado o  Decreto 87.497, conhecido como Decreto de Estágio, que veio complementar  Lei 6.494 (primeira Lei de Estágio), de 07 de dezembro de 1977.  


Conheça também a Portaria de nº 5570/2014 que dispõe sobre a regulamentação do Estágio Curricular nos cursos técnicos de nível médio de Educação Profissional da Rede Estadual da Bahia



Parabenizamos a todos/as os/as estagiários/as, em especial aos/as estagiários/as da Educação Profissional da Bahia, e do Brasil!


O Estado oferta mais de 4.600 vagas para cursos técnicos em Salvador e municípios do interior


A Secretaria da Educação do Estado da Bahia amplia a oferta de vagas para os cursos técnicos de nível médio neste segundo semestre. Para isso, abre inscrições de 22 a 29 de agosto, nos Centros Territoriais, Estaduais e unidades escolares da capital e do interior. A maior oferta, que compreende 4.535 vagas, é para a forma de articulação Proeja Médio, direcionadas para jovens e trabalhadores que têm 18 anos ou mais e já concluíram o ensino fundamental. As aulas começam no dia 1º de setembro.
 
Confira as vagas disponíveis por região

As vagas são para cursos técnicos de nível médio em Administração, Agroecologia, Análises Clínicas, Arte Dramática, Comércio, Enfermagem, Logística, Segurança do Trabalho, Meio Ambiente, Manutenção Suporte e Informática entre outros. A oferta contempla Salvador e municípios do interior como Alagoinhas, Arataca, Bom Jesus da Lapa, Capim Grosso, Catu, Miguel Calmon, Santo Amaro, Senhor do Bonfim, Uauá e outros.

Neste período, também serão ofertadas 70 vagas na forma de articulação Proeja Fundamental em cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC), voltados para maiores de 18 anos que não concluíram o ensino fundamental e que estão fora da escola. Destas, 35 vagas são para o curso de qualificação em Agroextrativismo, no Colégio Estadual Ernesto Carneiro Ribeiro, no município de Saúde e as outras 35 vagas para o curso de qualificação em Telemática, no Centro Estadual de Educação Profissional em Informática e Gestão Lourdes Carvalho Neves Batista, em Cícero Dantas.

Os interessados nos cursos ofertados nas formas de articulação: Proeja Fundamental e Proeja Médio devem se dirigir aos Centros e unidades escolares apresentando os seguintes documentos: carteira de identidade, CPF, comprovante de residência e atestado de escolaridade.

A Rede Estadual de Educação Profissional da Bahia é a maior ofertante do Brasil na forma de articulação Proeja, entre as redes públicas e privadas, segundo o Censo Inep/Mec. Atualmente conta com mais de 70 mil estudantes matriculados em cursos técnicos de nível médio.


terça-feira, 12 de agosto de 2014

Secretaria da Educação do Estado da Bahia participa do Comitê Organizador do Fórum Mundial de Educação Profissional



A Secretaria da Educação do Estado da Bahia participa, nesta quarta e quinta-feira (13 e 14/08), por meio da Superintendência de Educação Profissional, da reunião do Comitê Organizador do III Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica (FMEPT), em Recife. Realizado pelo Instituto Federal de Pernambuco (IFPE), o evento, que acontece em maio de 2015, chega a sua terceira edição com o tema “Diversidade, Cidadania e Inovação". A meta é reunir cerca de 20 mil pessoas durante sete dias de programação.


"O Fórum, além de ser um espaço de debate sobre as políticas públicas de Educação Profissional e Tecnológica, reúne vários estados brasileiros e países para apresentarem os projetos desenvolvidos por seus alunos e professores, trocar experiências, ensinar e aprender", destaca a diretora de Desenvolvimento da Educação Profissional, Cristina Kavalkievicz.

Ela ressalta, ainda, a importância do planejamento para o sucesso do Fórum. “É necessário um bom planejamento e uma comissão organizadora para executá-lo. Por isso a importância desta reunião que estaremos participando. Participamos do Comitê Organizador do I Fórum Mundial de EPT realizado, em Brasilia (2009), e do II Fórum Mundial de EPT realizado em Florianópolis (2012). Não poderíamos ficar de fora do Comitê Organizador do III Fórum", diz.

Criado em 2009, por meio do Fórum Social Mundial, o FMEPT é um braço do Fórum Mundial de Educação. O principal objetivo é levantar propostas para compor a plataforma mundial de Educação. Participam também do comitê representantes de instituições de ensino, associações, sindicatos e entidades governamentais.

Dia Internacional da Juventude




Hoje, dia 12 de agosto, comemora-se o Dia Internacional da Juventude. A que data foi instituída, em dezembro de 1999, pela Assembléia Geral da Organização das Nações Unidas – ONU, como resultado da Conferência Mundial dos Ministros Responsáveis pelos Jovens, em Lisboa, é celebrada em todo o mundo com debates sobre temas relacionados à juventude. A ONU, por exemplo, realiza vários debates e campanhas para encorajar os governos e o público em geral a conhecer e entender as necessidades dos jovens e implementar políticas com foco na juventude, com o objetivo de promover a inclusão e participação política dos jovens.

Mas quem faz parte dessa Juventude? Quem é jovem?

Segundo o  Estatuto da Juventude denomina-se jovem a pessoa com idade entre 15 e 29 anos, que atualmente, segundo os dados do Censo 2010 do IBGE,  contempla cerca de 51 milhões de brasileiros.

Hoje, portanto é o dia de também relembrar essa grande conquista para a Juventude Brasileira: o Estatuto da Juventude , sancionado pela presidenta Dilma Rousseff. O Estatuto da Juventude, que completou 1 ano de criação no ultimo dia 05, como já apresentamos aqui neste blog, é um instrumento legal - Lei 12.852/2013 - que determina quais são os direitos dos jovens que devem ser garantidos e promovidos pelo Estado brasileiro, independente de quem esteja à frente da gestão dos poderes públicos.

Entre os direitos garantidos pelo Estatuto da Juventude queremos dar destaque ao direito assegurado no s Art. 9º, o direito à educação profissional e tecnológica, articulada com os diferentes níveis e modalidades de educação, ao trabalho, à ciência e à tecnologia, de acordo com a legislação vigente. Podemos observar que esse direito tem sido garantido com a oferta de cursos de Educação Profissional gratuitos em todo o País, através das Redes Federal e Estaduais, sejam em cursos das próprias redes ou em cursos de Programas federais como Pronatec, ProJovem Urbano e ProJovem do Campo.

Na Bahia, a Rede Estadual de Educação Profissional vem mudando a realidade de jovens e trabalhadores, garantindo o acesso a cursos técnicos de nível médio e a cursos de qualificação profissional. De 2010 para cá, mais de 30 mil novos técnicos foram formados, e a Rede conta atualmente com mais de 70 mil matriculados nos 27 Territórios de Identidade Baianos, sendo que 70% das matriculas são de jovens. Além dos cursos da Rede Estadual de Educação Profissional a Secretaria da Educação do Estado tem garantido que milhares de jovens da Rede Estadual de Educação a oportunidade de fazer um curso pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego 2014 (Pronatec), que só na segunda etapa desse ano contemplou mais de 11 mil estudantes. Veja a matéria.

Destacamos ainda que em novembro de 2011, o governador da Bahia, Jaques Wagner (PT) sancionou a Lei 1835/2010, instituindo o Plano Estadual de Juventude que assegura, dentre outros pontos, o acesso à educação pública de qualidade, saúde, qualificação profissional, cultura, lazer, esporte e tecnologia de informação.

Para saber mais sobre a Juventude no Brasil e na Bahia acesse:

Mostra coreográfica celebra formatura da XXV Turma do Curso de Educação Profissional da Escola de Dança da FUNCEB


Nas noites de 13 e 14 de agosto (quarta e quinta), a partir das 19 horas, o palco do Espaço Xisto Bahia (Barris – Salvador/BA) vai receber a mostra coreográfica de formatura da XXV Turma do Curso de Educação Profissional Técnico de Nível Médio em Dança, oferecido pela Escola de Dança da FUNCEB, unidade do Centro de Formação em Artes (CFA) da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB), vinculada da Secretaria de Cultura do Governo do Estado (SecultBA). Serão 12 novos artistas apresentando, cada um, seu trabalho de conclusão de curso, em forma de concepção e realização de coreografias, em sessões abertas ao público, com entrada gratuita.

“No momento da formatura, nos deparamos com a conclusão de uma etapa de formação desses alunos. Me vem a lembrança de como cada um deles chegou, e de como eles estão saindo – depois de terem percorrido um longo do processo de formação, consolidando competências e habilidades nesse espaço artístico-pedagógico. A sensação é de que foi uma trajetória muito rápida, mas com um itinerário cheio de experiências, interações, emoções e muito aprendizado”, relata Janahina Cavalcante, Coordenadora do Curso de Educação Profissional.

Na primeira data, 13 de agosto, serão encenadas as coreografias Marcas de Um Corpo (Renan Carvalho), Minhas Lembranças (Meryadla Brito), Sensibilidade Humana (Geovane Novais), Intuição (Caroline Arcade), Sais de Lítio (Evele Louize) e Navega (Taynan Teixeira). Já no dia 14, é a vez de Impasses (Tamara Lorena), Corpo Zipado – em Construção (Anderson Danttas), Sobre o Primeiro Olhar… (Karoline Ribeiro), Façanhas (Edlane Santos), SUUUuusssss (Monique Gisele) e Gunga (Antônia Matos).

SOBRE O CURSO – Com duração de dois anos e meio, o Curso de Educação Profissional Técnico de Nível Médio é reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC) e forma profissionais habilitados a realizar ações e projetos artístico-educativos como agentes multiplicadores, intérpretes (bailarinos) e criadores (coreógrafos). Trabalha na formação técnica através do desenvolvimento de habilidades básicas e específicas, nas dimensões técnico-criativas, cognitivas e produtivas da linguagem da dança. No percurso, os estudantes têm acesso a uma gama de informações e experiências, perpassando os diferentes modos de estudar dança e desvendando técnicas de movimento como a capoeira, a dança moderna, o balé clássico, as danças afro e populares, além de diferentes proposições em técnicas contemporâneas. Em articulação com estes conteúdos técnicos, os alunos desenvolvem também reflexões sobre a dança, a educação e o corpo, culminando com as experimentações artísticas e configurações coreográficas a partir dos Laboratórios de Criação. Além de tudo isso, há práticas envolvendo interfaces com tecnologias, a exemplo do vídeo e da fotografia, e a transversalidade com outras linguagens artísticas.

Em 2009, o currículo do Curso foi revisado e aprovado pelo Conselho Estadual de Educação (CEE) e Secretaria da Educação da Bahia (SEC), passando a seguir referenciais contemporâneos da educação e da dança. Também a partir de um diálogo com a Superintendência da Educação Profissional (SUPROF), o Curso vem consolidando a relação entre educação e trabalho, ampliando o olhar e o compromisso com a formação e a qualificação do jovem na perspectiva do acesso, ocupação e geração de renda no mercado profissional e na sociedade. Nesta perspectiva, todo o trajeto percorrido pelos alunos é, desde o segundo semestre de aulas, subsidiado por etapas de estágios nas quais os futuros profissionais têm a possibilidade de vivenciar experiências na condição de criadores, intérpretes e multiplicadores, observando ainda a dinâmica de gestão e produção cultural na atualidade.

Todo este investimento se reflete, também, no ingresso destes profissionais na universidade, em especial nos cursos de Dança e Bacharelado Interdisciplinar da Universidade Federal da Bahia. Outros partem para o fazer artístico como bailarinos e/ou coreógrafos, participando de grupos e montagens de dança. Há, ainda, uma grande incidência desses jovens artistas participando – e sendo selecionados – com propostas de Dança em editais de fomento estaduais e nacionais.


Mostra coreográfica
Formatura da XXV Turma do Curso de Educação Profissional Técnico de Nível Médio em Dança
Quando: 13 e 14 de agosto (quarta e quinta), 19 horas
Onde: Espaço Xisto Bahia
(Rua General Labatut, 47 – Barris; subsolo da Biblioteca Pública do Estado da Bahia)
Quanto: Grátis
Realização: Escola de Dança da FUNCEB/ CFA/ FUNCEB/ SecultBA



segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Comitê Organizador do III FMEPT se reúne nesta quarta (13)

Comitê Organizador do III FMEPT se reúne nesta quarta (13)Nesta quarta (13) e quinta-feira (14), será realizada a terceira reunião do Comitê Organizador do Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica que terá sua terceira edição organizada pelo IFPE. Cerca de 120 pessoas de 72 instituições de todo o país já confirmaram presença. O encontro, que tem caráter bimensal, tem como objetivo estruturar o evento programado acontecer em maio de 2015, no Centro de Convenções, em Pernambuco.

Nos dois dias de atividades, no Colégio Maria Tereza, em Boa Viagem, as comissões de Temática, Mobilização, Infraestrutura e Cultura vão trabalhar separadamente, com pautas específicas. Na de Infraestrutura, por exemplo, o arquiteto Daniel Guimarães apresentará o projeto arquitetônico do Fórum.

Já a comissão temática vai propor as mesas de debates de acordo com os eixos já definidos de “(Bio) Diversidade, educação profissional e tecnológica: desafios para o desenvolvimento humano”; “Cidadania e trabalho: a educação profissional e tecnológica e a transformação social no século XXI” e “Inovação: inclusão e integração na educação profissional e tecnológica “Entre outros trabalhos, haverá a construção do edital das atividades autogestionadas e a apresentação do site do evento. Se alguma entidade tiver interesse em participar da organização do FMEPT, basta entrar em contato com a secretaria-executiva do evento através do e-mail forum.mundial@reitoria.ifpe.edu.br.

HISTÓRICO – O FMEPT nasceu do Fórum Mundial de Educação e constitui-se num dos “braços” do Fórum Social Mundial, evento articulado por movimentos sociais e representações da sociedade civil com o objetivo de discutir propostas para implantação de um modelo alternativo de desenvolvimento econômico e social. A primeira edição do FMEPT aconteceu, em 2009, em Brasília. Já a segunda foi realizada em Florianópolis, em 2012, e reuniu cerca de 15 mil pessoas, resultando no lançamento de uma carta com diretrizes para compor a plataforma mundial de educação.

Fonte: Instituto Federal de Pernambuco

Dia do/a Estudante


Você sabe como nasceu o Dia do/a Estudante?

Tudo começou no dia 11 de agosto de 1827, quando o imperador D. Pedro I assinou um decreto instituindo os dois primeiros cursos superiores no Brasil: os cursos de Ciências Jurídicas e Sociais. Um curso foi implantado em São Paulo (SP) no Convento de São Francisco, e outro em Olinda (PE), no Mosteiro de São Bento.  Antes disso, quem quisesse cursar uma faculdade teria que ir para o exterior, e Coimbra, em Portugal, era o lugar mais próximo.

Cem anos depois, no dia 11 de agosto de 1927, durante as comemorações do centenário da criação dos cursos superiores do Brasil, Celso Gand Ley, um dos participantes das festividades, propôs que a data fosse instituída como o Dia do/a Estudante, e foi assim que a data passou a homenagear a  todos os estudantes do país.

Nessa data também é comemorado o Dia do/a Advogado/a.


Curiosidade: A palavra estudante vem do latim studiosus que designava a pessoa dedicada, que gosta de algo com afinco, zelosa. O/A estudante é, portanto, aquele/a que ama aprender.

Parabenizamos a todos/as os/as estudantes, em especial aos/as estudantes da  Educação Profissional da Bahiae do Brasil!

sexta-feira, 8 de agosto de 2014

Estatuto da Juventude completa um ano de criação

O Estatuto da Juventude , sancionado pela presidenta Dilma Rousseff, completou, no ultimo dia 05, um ano de criação. Conforme a Lei 12.852/2013, o estatuto é um instrumento legal que determina quais direitos dos jovens devem ser garantidos e promovidos pelo Estado Brasileiro.

CETEP de Irecê promove evento que prepara Estudantes para o Mundo do Trabalho

Estudantes do curso técnico em administração do Centro Territorial de Educação Profissional (Cetep) de Irecê (470 km de Salvador) participaram, nesta sexta-feira (8/8), do Seminário Gestão de Pessoas. O evento, organizado pelos alunos do 3º do curso técnico em administração, teve como objetivo orientar os estudantes mais novos sobre a dinâmica do mundo do trabalho para os profissionais da área.

Com o tema “Teoria das Relações Humanas”, o seminário abordou questões como a Teoria das Necessidades e Teoria dos Fatores X e Y. “Nós discutimos temas relacionados à gestão de recursos humanos como uma maneira de aproximar os estudantes que estão chegando ao curso do nosso universo profissional. Para nós, que organizamos a atividade, é muito prazeroso poder contribuir com a formação dos colegas”, avaliou o estudante do 3º ano do curso técnico em administração, Igor Maia da Silva, 18 anos.

Integrando, ainda, as atividades desenvolvidas pelos estudantes, neste sábado (9/8), a partir das 13h20, a turma vai realizar atividades de planejamento, organização de documentação, gestão de patrimônio, incentivo à participação e ações sociais junto à Associação de Moradores do Bairro Boa Vista (AMA Boa Vista), em Irecê. Essas atividades de intervenção social serão realizadas em atendimento a um pedido da AMA Boa Vista.


As ações ressaltam a matriz curricular da Rede Estadual de Educação Profissional, que tem a intervenção social como princípio pedagógico, na medida em que possibilita ao estudante compreender os conteúdos e práticas em situações reais e contribui para sua formação integral, fazendo conhecendo a dimensão social da futura profissão. “É, também, o momento de mostrarmos à comunidade a formação recebida pelos nossos estudantes, que os transformam em pessoas atuantes e preocupadas com o semelhante”, frisou o vice-diretor do Mundo do Trabalho do CETEP, Carlos Ney Nascimento de Oliveira.